Suspeito se apresenta à polícia e confessa ter matado pintor


“Estou arrependido”, limitou-se a dizer o rapaz à imprensa.
  
O homem suspeito de matar o pintor Edmilson da Silva, de 53 anos, com mais de 30 facadas e ferir o filho dele, Udenilson dos Santos Silva, com outros 10 golpes de faca, se apresentou espontaneamente à polícia no início da noite desta quarta-feira (13). O crime aconteceu no dia anterior no bairro Ernani Sátiro, em João Pessoa.

Alex da Silva Andrade, 22 anos, compareceu à Central de Flagrantes e prestou depoimento ao delegado Giovanni Jacomelli. Depois de ouvido, ele foi liberado. Caio Cabral, advogado do suspeito, informou que o rapaz confessou ter um relacionamento com a esposa de uma das vítimas.

"Ele confessa o crime e o motivo foi paixão. Em depoimento ele confessou. Agora está à disposição da justiça", explicou.

“Essa mulher acabou com a minha vida. Estou arrependido”, limitou-se a dizer o rapaz à imprensa




Acompanhe mais notícias do Canal do Povo
Entre em contato com a gente:
Telefone: (83) 99853 2134
WhatsApp: (83) 99853 2134
E-mail: canaldopovopb@gmail.com

Nenhum comentário:

Caco Pereira Comunicação & Consultoria. Tecnologia do Blogger.