Ads Top

Ao lado do presidente da CGADB Pr. José Carlos de Lima manifesta apoio a Bolsonaro (VÍDEO)




Em uma reunião com líderes da Igreja Evangélica Assembleia de Deus no Nordeste e os senadores José Medeiros (PODE/MT) e Magno Malta (PR/ES), o presidente da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil - CGADB, pastor José Wellington Bezerra Júnior, diz que a liderança da denominação entendeu que Jair Bolsonaro (PSL) é o melhor para o país e convoca vigílias em favor da eleição do candidato à Presidência da República.

A manifestação de apoio foi feita ao lado do Pr. José Carlos de Lima, presidente da União de Ministros das Assembleias de Deus no Nordeste - UMADENE - e da Assembleia de Deus na Paraíba.

O pastor José Wellington Bezerra, havia dito em seu aniversário de 84 anos: “De todos os candidatos, o único que fala o idioma do evangélico é Bolsonaro. Não podemos deixar a esquerda voltar ao poder”. Como ele, a maioria dos líderes evangélicos do Brasil estão declarando apoio ao presidenciável, entre eles os pastores Silas Malafaia, Cláudio Duarte, R. R. Soares e Josué Valadão Jr., além dos Bispos Edír Macedo, Robson Rodovalho, e do deputado federal e  pastor Marco Feliciano.

Líderes que habitualmente não se pronunciam favoráveis a nenhum partido, se posicionaram no que chamam de ‘luta para impedir que a esquerda volte ao poder’. Isso se justifica no avanço contra as chamadas ‘pautas morais’ durante os governos de Lula e Dilma Rousseff. O plano de governo do atual candidato do Partido dos Trabalhadores - PT, registrado no Tribunal Superior Eleitoral - TSE, não esconde o objetivo de consolidar os avanços na descriminalização das drogas, liberação do aborto, ampliação de direitos para a comunidade LGBTI+, ensino de ideologia de gênero e diversidade sexual nas escolas do país, e a libertação em massa de presidiários. Estes pontos em comum uniu líderes das mais diversas denominações em torno de Bolsonaro, que é publicamente contra todas estas pautas.

Outro ‘trunfo’ que garante o acesso de Bolsonaro aos evangélicos é ser casado com uma assembleiana e ter 2 filhos evangélicos, o senador eleito pelo Rio de Janeiro, Flávio Bolsonaro (PSL), e o deputado federal mais votado da história do País, Eduardo Bolsonaro (PSL).

No último Censo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE - apontou que 22,2% dos brasileiros são evangélicos. Algo próximo de 40 milhões de eleitores que podem, e certamente vão, definir esta eleição.


Confira o vídeo:


Por Eudes Santiago



Acompanhe mais notícias do Canal do Povo
Facebook, TwitterYoutube e Instagram
Entre em contato com a gente:
Telefone: (83) 993191 9890
WhatsApp: (83) 993191 9890
E-mail: canaldopovopb@gmail.com

Caco Pereira Comunicação & Consultoria. Tecnologia do Blogger.