Ads Top

Luiz Antônio processa Câmara de Vereadores e espera voltar à prefeitura de Bayeux




O vice-prefeito afastado de Bayeux, Luiz Antônio (PSDB), nesta quarta-feira (07), entrou com uma ação contra a decisão da Câmara de Vereadores, que votou por sua cassação em abril deste ano. De acordo com o tucano, os parlamentares trocaram seus votos por benefícios na gestão do então presidente da Casa, Mauri Batista da Silva, o Noquinha (PSL), quando assumisse a prefeitura.

“Ficou claro e provado que os vereadores tinham interesses pessoais na minha cassação, pois diversos parentes dos parlamentares foram empregados na prefeitura depois disso. Já demos entrada no processo e está nas mãos do juiz decidir, mas as expectativas são boas. Queremos acabar com o sofrimento que a Câmara tem causado ao povo de Bayeux”, disse.

O documento pede a suspensão da decisão que afastou Luiz Antônio e exige que o político seja reintegrado ao cargo imediatamente: “suspendendo os efeitos do Decreto Legislativo 02/2018, com a urgente comunicação a Câmara Municipal de Bayeux e ao Cartório Eleitoral, para que surtam os devidos fins de direito”.

O advogado do vice-prefeito, Evilson Brás, informou que a decisão da Justiça deve sair até a próxima sexta-feira e que a principal prova utilizada no processo, um vídeo gravado pelo empresário Ramon Acioli, ainda está tendo sua licitude discutida judicialmente. O jurista ainda listou outros pedidos da ação.

“Pedimos o impedimento do presidente da Câmara na época por participar da sessão que recebeu a denúncia, assim como do presidente da comissão processante por quebra da imparcialidade do devido processo legal, além de seis vereadores que votaram mesmo sem poder votar, pois estavam impedidos”, informou.


Portal do LitoralPB


Acompanhe mais notícias do Canal do Povo
Facebook, TwitterYoutube e Instagram
Entre em contato com a gente:
Telefone: (83) 993191 9890
WhatsApp: (83) 993191 9890
E-mail: canaldopovopb@gmail.com
Caco Pereira Comunicação & Consultoria. Tecnologia do Blogger.