Ads Top

PATOS: Sucateamento de ambulâncias preocupa profissionais do SAMU



O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), do Município de Patos, devia estar funcionando com 4 ambulâncias do tipo Unidade de Suporte Básico (USB) e com 2 como Unidade de Suporte Avançado (USA), também identificadas popularmente por Unidade de Terapia Intensiva (UTI), porém, a situação está cada vez mais complicada.

Devido ao sucateamento da frota de ambulâncias, pelo desgaste no uso permanente das viaturas, bem como a ausência das trocas nos períodos correspondentes ao tempo de quilometragem, a frota do SAMU/Patos se resume a 1 ambulância USB e 2 USA’s, sendo que a carência de USB fez com que uma USA suprisse a ausência da USB.

São apenas três ambulâncias para atender a demanda quando seriam necessárias 6 e cada uma no seu setor de atuação conforme determina as portarias que regulam o SAMU em nível nacional.

O sucateamento da frota está preocupando os funcionários e causando insegurança no atendimento à população. Algumas ambulâncias da Unidade de Suporte Básico deveriam ter sido trocadas, mas apenas uma foi conseguida em 2018 através de inciativa do Deputado Federal André Amaral (PROS).

Em entrevista concedida na última quinta-feira, dia 01, o secretário de Saúde do Município de Patos, Davi Nunes, relatou que irá se dedicar para recompor a frota do SAMU/Patos, pois, existem ambulâncias, no entanto, se faz necessária a aquisição delas por meios legais junto ao Ministério da Saúde (MS).

Enquanto a carência de ambulâncias não é atendida, os profissionais do SAMU/Patos estão preocupados com a situação e lamentam ter chegado a tal momento crítico. As ambulâncias velhas requerem custos elevados para a recuperação e nem sempre se compensa o gasto, pois a quilometragem e o desgaste das viaturas é fator de segurança para as equipes e os pacientes atendidos.






Acompanhe mais notícias do Canal do Povo
Facebook, TwitterYoutube e Instagram
Entre em contato com a gente:
Telefone: (83) 993191 9890
WhatsApp: (83) 993191 9890
E-mail: canaldopovopb@gmail.com
Caco Pereira Comunicação & Consultoria. Tecnologia do Blogger.