Ads Top

Ronaldinho e irmão têm R$ 24,63 na conta e "robusta dívida" em impostos




O processo que culminou na apreensão dos passaportes de Ronaldinho Gaúcho e Assis, seu irmão e empresário, quebrou o sigilo bancário deles para penhorar um valor para pagamento de multas e indenizações milionárias. O Bacenjud, sistema que interliga o Banco Central e demais bancos, respondeu que não havia saldo suficiente. O Ministério Público escreveu em um documento que os dois tinham somente R$ 24,63 em suas contas.

O montante é irrisório e fica longe do valor das multas e indenizações, que somadas chegam a R$ 8,5 milhões. Outra possibilidade seria hipotecar o terreno que levou Ronaldinho Gaúcho e o irmão a serem condenados por fazer obras em área de preservação permanente. Mas a medida se mostrou inútil por causa do alto valor devido em impostos.

"Foi realizada hipoteca legal sobre o imóvel gerador da controvérsia, mas o mesmo já conta com robusta dívida em decorrência de inadimplemento de débitos tributários", escreveu o Ministério Público.

Ronaldinho Gaúcho e Assis foram condenados em 2015 e até agora não cumpriram a sentença. A Justiça vê descaso da dupla e levou a situação em conta na hora de determinar a apreensão dos passaportes.

Saldo não combina com padrão de vida
O valor encontrado nas contas e a informação de que o imóvel tem "robusta dívida" em impostos contradiz o estilo de vida de Ronaldinho Gaúcho. Na quinta-feira, o ex-jogador estava na loja da Nike em Tóquio, capital do Japão. A última semana de outubro foi gasta em viagem à China.

O Instagram do ex-jogador mostra fotos por diferentes países da Ásia, Europa e África. Outro fato que não combina com o saldo é que, neste ano, a Nike lançou uma linha de chuteiras em homenagem a Ronaldinho Gaúcho. Sem contar os anos de seleção brasileira, ser melhor do mundo e as passagens por gigantes do futebol como Grêmio, PSG, Barcelona, Milan, Flamengo e Atlético-MG.

A apreensão do passaporte vai impedir viagens ao exterior para cumprimento de compromissos com patrocinadores. Ainda assim, Ronaldinho Gaúcho não deixou de promover os eventos em que está prevista sua participação.

Nesta sexta-feira, ele publicou no Instagram o poster de uma partida de futebol chamada Game of Champions (Jogo de Campeões) que está marcada para 17 de novembro em Frankfurt, Alemanha. A importância dele no amistoso é tamanha que um dos times se chama Amigos do Ronaldinho.

Descaso levou a apreensão do passaporte

A apreensão do passaporte ocorreu porque foi a maneira encontrada para pressionar. Ronaldinho Gaúcho e o irmão foram condenados em fevereiro de 2015 e não tomaram as providências exigidas pela Justiça. A fase de execução da sentença ocorreu em junho do ano passado e nada foi feito desde então.
Como não há saldo suficiente para quitar a dívida, a apreensão do passaporte ou carteira de motorista foi pedida. Ela foi negada em janeiro e agora a 1ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul acatou o Ministério Público por unanimidade.

Ronaldinho Gaúcho e Assis foram condenados por construir um trapiche que invade o Lago Guaíba, em Porto Alegre. Eles também canalizaram um riacho, pavimentaram as margens do lago e ignoraram avisos de que estavam fazendo obras em área de preservação permanente. Fiscais chegaram a ser proibidos de entrar na propriedade.

Procurados pela reportagem, Ronaldinho Gaúcho e Assis não atenderam as ligações.








Acompanhe mais notícias do Canal do Povo
Facebook, TwitterYoutube e Instagram
Entre em contato com a gente:
Telefone: (83) 993191 9890
WhatsApp: (83) 993191 9890
E-mail: canaldopovopb@gmail.com

Caco Pereira Comunicação & Consultoria. Tecnologia do Blogger.