Jovem diz que matou namorada após briga por causa de ligação; veja vídeo




O jovem Lucas Pereira, acusado de matar a namorada Gisele Medeiros, 24 anos, asfixiada na manhã desta terça-feira (25) no bairro do Róger, em João Pessoa, confessou ter cometido o crime por causa de uma ligação telefônica.
Em depoimento prestado no início da noite ao delegado Diego Garcia, o acusado disse que teve a primeira discussão por volta das 23h da segunda-feira (24) duranta a festa de Natal, quando ela teria encontrado uma ligação em seu celular. Para evitar outra confusão, ele afirmou que foi dormir e a deixou com as amigas.

Lucas confessou ao delegado que Gisele teria lhe acordado durante a madrugada e voltado a brigar. Ele então a segurou pelo pescoço e colocou a mão na nuca, deixando a jovem desacordada.

Depois, o acusado voltou a dormir e garantiu, durante o depoimento, que não tinha percebido que a companheira havia morrido. Lucas reafirmou que os dois haviam consumido cocaína e bebidas.

Ontem, o casal tinha completado um mês de namoro. A perícia realizada no corpo da garota confirmou que ela foi assassinada por asfixia. Lucas foi preso em flagrante e será indiciado por homicídio consumado com requintes de crueldade.







Nenhum comentário:

Caco Pereira Comunicação & Consultoria. Tecnologia do Blogger.