Professor americano é preso por suspeita de estuprar criança de 11 anos





Um professor americano, de 55 anos, foi preso em flagrante, na manhã desta sexta-feira (21), suspeito de estuprar uma criança de 11 anos, no Recife. Segundo a Polícia Civil, o estrangeiro pagou R$ 350 a garota para cometer o crime, que aconteceu em um flat localizado em Boa Viagem, na Zona Sul.

As informações sobre o caso foram repassadas na tarde desta sexta, durante entrevista coletiva, na sede da Polícia Civil, no Recife. Ainda de acordo com a corporação, a jovem teria sido convidada a fazer o programa por uma outra menor, de 13 ou 14 anos.

Na quinta-feira (20), elas teriam ido juntas ao apartamento onde Paul Steven Perron morava. No local, as duas ingeriram bebidas alcóolicas e fizeram sexo com o homem. A polícia informou que o suspeito confirmou que teve relações sexuais com as duas garotas menores de idade.

Durante a coletiva, a delegada Betriz Leite esclareceu que até o momento só foi possível configurar o crime de estupro contra a criança mais nova. Segundo ela, as duas meninas teriam feito sexo voluntariamente, mas é preciso levar em conta a idade da vítima para estabelecer a violência sexual contra uma vulnerável.

"Se a vítima for menor de 14 anos, a gente está falando de estupro de vulnerável. São menores que, ainda que voluntariamente façam sexo, não têm, pela lei, a capacidade de consentir com esse sexo", explica a titular da Delegacia de Boa Viagem.







Nenhum comentário:

Caco Pereira Comunicação & Consultoria. Tecnologia do Blogger.