Ads Top

Advogado afirma que nova denúncia ocasionou a prisão de zelador suspeito de estupro no Geo


O zelador colégio Geo, suspeito de estupro de menores foi preso no final da tarde desta sexta-feira (15), após uma nova denúncia, disse o advogado de defesa Thiago Beltrão. O suspeito passa por audiência de custódia, e segundo a Central de Polícia informou ao ClickPB está marcada para acontecer ainda neste sábado (16), a partir das 14h, no Fórum Criminal da Capital. 

O suspeito estava em casa no bairro do Alto do Mateus, no momento da prisão.

A polícia informou que o suspeito de 43 anos não resistiu a prisão e fez exame de corpo de delito. A prisão foi decretada por uma juíza da 5ª Vara Criminal de João Pessoa. 

O advogado também informou que o suspeito respondia a medidas cautelares impostas  desde janeiro pelo juiz da 1ª Vara, o juiz Adilson Fabrício. Thiago afirmou que o juiz na época entendeu que o zelador não frequentava mais a escola,era réu primário e tinha residência fixa, por isso responderia o processo em liberdade.

O pedido da juíza ocorreu após uma outra denúncia, com os mesmo denunciantes e mesmos relatos, e a juiza da 5ª vara entendeu que caberia prisão preventiva.

O advogado de defesa Thiago Beltrão ressaltou que ainda não teve acesso ao decreto, o que deve acontecer neste sábado (16). E que na segunda-feira (18), entrará com um pedido de habeas corpus no Tribunal de Justiça e também para o própria juiza que decretou a prisão. 

O zelador está detido na carceragem da Central de Polícia de João Pessoa.





Nenhum comentário:

Caco Pereira Comunicação & Consultoria. Tecnologia do Blogger.