Deputado sugere transferência de ex-secretária para Presídio Federal


O deputado estadual, Wallber Virgolino (Patriotas), demonstrou preocupação ao saber que auxiliares do primeiro escalão do Governo do Estado estiveram na ‘6 Companhia Independente de Polícia Militar’, em Cabedelo, no fim de semana, para visitar a ex-secretária de Administração, Livânia Farias, presa na Operação Calvário.

Em contato com o Blog, Virgolino ressaltou que a missão dos órgãos de segurança jamais será prestar solidariedade e conforto a criminosos, ainda mais quando estão sob sua custódia. Tais condutas, segundo o parlamentar, ascendem a luz vermelha de que o governo usará de todas as artimanhas para tranquilizar a secretaria presa. “Toda a assistência será dada, pelo governo, para que não seja materializada a delação premiada”, frisou.

O deputado chamou a atenção do Ministério Público e do Judiciário. Para ele, a justiça deve abrir os olhos para as manobras da gestão socialista. Ele defendeu a transferência de Livânia para um Presídio Federal. “Talvez seja hora de pensar numa transferência da custodiada para um Presídio Federal ou uma penitenciária no Rio de Janeiro para que a operação não seja prejudicada pela interferência do poder e de seus poderosos. Afinal, ninguém está acima da Lei”, declarou.

Virgolino rebateu, ainda, a versão do comando da PM, sobre a presença da cúpula da Segurança na 6a CIPM. O local, segundo a assessoria, serviu como núcleo da segurança nas eleições de Cabedelo, ocorridas nesses domingo (17), por isso, a presença do Comandante-geral da PM e do secretário de Segurança Pública do Estado “Se a intenção dos nobres era tranquilizar a populaçdo sobre as eleições para prefeito de Cabedelo, que fizesse no Fórum Criminal ou na Seccional da Polícia Civil, nunca na 6a CIPM”, concluiu.




Nenhum comentário:

Caco Pereira Comunicação & Consultoria. Tecnologia do Blogger.