Ads Top

LEGÍTIMA DEFESA: Homem mata assaltante que invadiu sua residência




Três homens invadiram uma residência na noite deste domingo (17), para realizar um assalto, quando o proprietário matou um dos suspeitos no bairro Recanto do Poço, em Cabedelo. O proprietário da residência, seu filho e a neta de 3 anos ficaram feridos.

Os três homens invadiram a residência armados e pedindo dinheiro. O proprietário informou que um dos suspeitos tentou entrar no quarto onde estava o filho e a neta. O suspeito atirou na porta e o disparo atingiu a criança.

Ele entrou em luta corporal com o suspeito que acabou morrendo no local. Os outros dois fugiram. 

As vítimas foram socorridas para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa, onde receberam os primeiros atendimentos e foram liberadas.


“Ele bateu na porta do quarto com muita força. Meu filho ficou com medo de abrir. Nessa hora ele disparou e chutou a porta”, disse uma das vítimas

O disparo atingiu de raspão uma criança de 3 anos de idade. Segundo o relato, pai e filho entraram em luta corporal com o suspeito após ver a criança ferida. “Eu ceguei depois que ele atirou na minha filha”, informou o filho do proprietário. “Eu estava assistindo vídeos com minha filha na cama. Ele invadiu lá. Ele saiu da casa dele com a intenção de invadir a minha”, afirmou.

Além da criança de 3 anos, o dono da residência também foi atingido por disparos no peito e no braço. Já o filho foi ferido na perna.

As vítimas foram socorridas para unidades médicas. O dono do estabelecimento foi encaminhado ao Hospital de Emergência e Trauma da capital. Após ser atendido, ele foi apresentado na Central de Polícia da cidade. Já a criança de 3 anos foi socorrida ao Complexo Hospitalar de Mangabeira Tarcísio de Miranda Burity, o Trauminha, em Mangabeira.

Até a manhã desta segunda-feira (18), o proprietário do imóvel e seu filho permaneciam detidos na Central onde devem passar por audiência de custódia em sequência.

Os outros dois suspeitos pelo crime fugiram após pai e filho entrarem em luta corporal com um dos bandidos que foi morto com golpes de faca.

A defesa do suspeito informou que na audiência tentará revogar a prisão em flagrante.




Até o momento ninguém foi preso.


Com informações de ClickPB e Portal T5

Nenhum comentário:

Caco Pereira Comunicação & Consultoria. Tecnologia do Blogger.