Depois de mais um homicídio no Alto do Mateus, Cristiano critica governo por fechamento de UPS




Um jovem foi morto a tiros no bairro Alto do Mateus, em João Pessoa. O crime aconteceu na Rua Laura de Oliveira Sampaio, na noite desta quinta-feira (4). A vítima foi baleada na cabeça e morreu ainda no local do crime. Não houve chance de socorro. A Polícia Militar isolou a área, a equipe do Instituto de Polícia Científica (IPC) fez a perícia e remoção do corpo no local.

Após o acontecido o líder comunitário e suplente de vereador Cristiano Almeida, em contato com o CANAL DO POVO, criticou duramente a decisão do Comando da Polícia Militar que fechou o a Unidade de Polícia Solidária do Bairro. Para Cristiano o fechamento da UPS contribuiu imensamente para que o crime impere no bairro. “Claro que a situação piorou. Claro que vão aumentar assaltos, arrombamentos, tráfico de drogas e homicídio. O governo precisa rever essa decisão, pois isso está prejudicando nosso bairro”, disse.

“Temos reclamado diariamente pelo fechamento dessa UPS. Hoje tivemos um homicídio, fora os assaltos que tem acontecido e as pessoas nem prestam queixa. Houve demora da chegada do aparato policial, pois agora eles ficam no Bairro de Novais, na Comunidade Bola na Rede. Estão descobrindo um santo para cobrir outro” finalizou Cristiano.


Da Redação



Nenhum comentário:

Caco Pereira Comunicação & Consultoria. Tecnologia do Blogger.