Mãe é presa após acorrentar filho de 9 anos: "Fiz para tirá-lo do crime"




Uma mulher de 34 anos foi presa hoje por acorrentar o filho de nove anos em casa em Sobradinho (DF). De acordo com a Polícia Civil, a criança havia cometido furtos pela cidade e estava começando a se envolver com o tráfico de drogas. "Fiz isso para tirá-lo do crime. Melhor do que vê-lo dentro de um caixão", disse a mãe ao UOL.

Ela disse que acorrentou a criança, que já fugiu de casa várias vezes, por desespero. "Na última vez que ele voltou para casa, contratei uma amiga para cuidar dele enquanto eu trabalhava, mas ele furtou minha colega também. Bati muito no meu filho e o acorrentei. Por que o governo e a Justiça não nos ajudam? Precisamos de uma internação, porque não sei mais o que fazer", disse a mãe, que prefere não ter o nome revelado.

O Conselho Tutelar chegou à casa da família, que fica em um assentamento, após uma denúncia anônima. Segundo o conselheiro César Ramos, a mulher cuida bem dos outros quatro filhos e vive num estado de vulnerabilidade. Ela morava no Paranoá, também no DF, mas se mudou para Sobradinho porque o menino estaria jurado de morte.

"A mãe não estava conseguindo manter a criança na escola, ele faltava muito à aula. Quando chegamos lá, ela estava em desespero e não sabia o que fazer. Acorrentar o garoto foi uma maneira dela evitar colocá-lo em risco, mas isso é crime e por isso a trouxemos para a delegacia", disse Ramos.

A mulher foi autuada em flagrante por maus tratos e lesão corporal. Fotos mostram ferimentos pelo corpo do garoto. Se condenada, ela pode pegar de seis meses a quatro anos de prisão.

A criança ficará sob os cuidados do Conselho Tutelar. Ainda não há informação sobre quem cuidará dos outros filhos.



Nenhum comentário:

Caco Pereira Comunicação & Consultoria. Tecnologia do Blogger.