Mulher é estuprada, espancada e se finge de morta para escapar de agressor, diz PM




Uma mulher de 33 anos foi estuprada e espancada por um homem na noite de domingo (4), no bairro de Jardim São Paulo, na Zona Oeste do Recife. De acordo com a Polícia Militar (PM), a vítima se fingiu de morta para escapar do agressor, que foi preso em flagrante.

Ainda segundo a PM, policiais do 12º Batalhão foram encaminhados para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Lagoa Encantada, no Ibura, na Zona Sul, para registrar a ocorrência.

A PM disse que a vítima informou à corporação que sabia onde ficava a casa do agressor. De acordo com a Polícia Civil, ele foi identificado como Luiz Carlos da Silva Pontes, de 33 anos.

Por meio de nota, a PM informou que a equipe encontrou Luiz Carlos na residência. Segundo a corporação, ao notar a presença dos policiais, ele se armou com uma faca e tentou praticar a agressão.

Os policiais conseguiram desarmá-lo e ele foi detido. Ele e a vítima foram levados à Delegacia da Mulher, em Santo Amaro, no Centro do Recife, para prestar depoimento.


De acordo com a assessoria da UPA, a vítima deu entrada na unidade com uma contusão no braço, mas recebeu alta na noite do domingo (4).

A Polícia Civil disse que o caso está sendo investigado pela 1ª Delegacia da Mulher. Luiz Carlos foi autuado pelo crime de estupro e encaminhado a audiência de custódia.

O Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) informou que Luiz teve o flagrante convertido em prisão preventiva. Ele foi levado ao Centro de Observação Criminológica e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), em Abreu e Lima, no Grande Recife.




Nenhum comentário:

Caco Pereira Comunicação & Consultoria. Tecnologia do Blogger.