POCINHOS: Memel comemora adesões e diz que apoios foram conquistados “sem comprar”



O Secretário de Infraestrutura e vereador licenciado de Pocinhos, Memel Chaves (PTB), comemorou as adesões que o seu grupo político, sob liderança do prefeito Cláudio Chaves (PTB), vem conquistando. Memel foi entrevistado pelo jornalista Ubiratan Cirne, no programa Caturité nos Municípios, da Rádio Caturité FM, nesta terça-feira(15).

Memel que é um dos mais queridos e celebrados agentes políticos locais, chegou a emissora acompanhado de uma grande ‘comitiva’ composta por amigos e apoiadores do grupo de Cláudio Chaves.

O secretário comemorou as adesões do grupo, e fez questão de asseverar que os novos aliados têm se chegado em reconhecimento ao trabalho de Cláudio, e “não foram comprados”. Memel disse ainda que “Pocinhos sabe que esses que aqui estão votaram em um outro candidato, e hoje estão aqui”.  

Uma das adesões mais celebradas ao grupo de Cláudio Chaves foi destacada por Memel, trata-se da  vereadora Mônica de Beto (PSB), partido do presidente da ALB e maior adversário político do grupo de Cláudio Chaves.

Sem perder a oportunidade de dar uma alfinetada Memel disparou: “Quando se faz política com honestidade e carinho, quando se ama realmente a cidade, e o prefeito mora na cidade, ele trabalha com carinho, e as pessoas de bom senso sempre vem. Tanto que a população de Pocinhos aprovou a primeira gestão de Cláudio, e confirmou com a sua reeleição, fazendo a maioria na Câmara”, opinou.

Polêmico e direto, ele lembrou as dívidas herdadas pelo atual prefeito. Dívidas essas deixadas por e gestões anteriores e que ainda hoje causam problemas aos cofres do município. “Pocinhos inteiro sabe e a Paraíba também, não precisa citar nomes. Basta apenas falar da época. É triste ter que olhar sempre o passado, é muito triste hoje mostrar que Pocinhos têm uma dívida com o INSS, Cagepa, Precatórios, RPV e outros”.

Memel ainda falou sobre o que chamou de “falsos profetas”, figuras que segundo ele vem a Pocinhos, dizendo “que daqui a tantos anos está de volta”.  E disparou: “Para desgraçar Pocinhos de novo minha gente?”.

Por fim, o autêntico secretário finalizou dizendo: “Enquanto eu tiver vida, e vou falar isso. Muitos dos que estão aqui foram enganados por eles. Muitos em Pocinhos estão abandonados e enganados por eles”, acrescentou.



Com informações de Se LigaPB



Nenhum comentário:

Caco Pereira Comunicação & Consultoria. Tecnologia do Blogger.