Câmara de Bayeux julga mais um pedido de afastamento de Berg Lima, nesta terça-feira



A Câmara Municipal de Bayeux julga, nesta terça-feira (17), mais uma denúncia seguida de pedido de afastamento do prefeito Berg Lima.

Desta vez, o gestor será julgado pelas supostas compras irregulares de cones para o departamento de trânsito e de aparelhos de ar condicionados.

Na denúncia, constam suspeitas de superfaturamento, pagamento de material que não haveria sido entregue, fraudes em processos licitatórios, dentre outras supostas irregularidades.

Para aprovar o afastamento do prefeito, são necessários dois terços dos votos do colegiado de 17 vereadores. Nos dois últimos julgamentos, a votação marcou o placar de 10×7, acatando a procedência das denúncias, mas promovendo o arquivamento do processo por insuficiência de votos para afastar Berg Lima.

Na última semana, a Câmara Municipal aprovou o pedido de intervenção solicitado pelo Tribunal de Contas do Estado. A decisão do parlamento bayeuxense já foi comunicada ao governador João Azevêdo, que vai decidir pelo acatamento ou não da matéria.

Caso opte pela admissibilidade do pedido, o governador escolherá o nome do interventor e o enviará para a Assembleia Legislativa, que decidirá por sua aprovação.



Nenhum comentário:

Caco Pereira Comunicação & Consultoria. Tecnologia do Blogger.