BAYEUX: Com 19 casos e duas mortes por Covid-19, vereadores constatam abandono da UPA e falta de condições de funcionamento




As comissões Especial e de Saúde da Câmara de Bayeux realizaram mais uma visita técnica à Secretaria de Saúde do município na tarde desta terça-feira (28), em mais uma tentativa de buscar informações acerca dos gastos da gestão municipal com o combate ao Coronavírus.

Segundo os vereadoes Roni Alencar, Betinho da RS e Inaldo Andrade, mais uma vez o secretário Gilliard Abrantes não se encontrava em seu local de trabalho para prestar as informações, o que fez com que os parlamentares se dirigissem à UPA, onde foi feita uma vistoria do local.

Segundo relato dos vereadores, a unidade encontra-se sob completo abandono do poder público, o que levou, inclusive, a diretora clínica a entregar o cargo no dia de hoje por falta de condições de trabalho.

De acordo com Roni Alencar, material básico e insumos como álcool gel estão em falta na UPA, o que fará com que o grupo de vereadores confeccione um relatório que será enviado à promotora Maria Edligia Chaves Leite, onde também serão solicitadas providências em relação ao caso.

Os fatos se dão no dia que o município chega a 19 casos confirmados e um novo óbito por Covid-19.

Os representantes das comissões criticaram duramente o prefeito Berg Lima pela ausência de uma política efetiva de combate ao Coronavírus no município e destacam o clima de “pirotecnia” e de “muita mídia” que predomina na cidade para desviar o foco da população no instante em que a Covid-19 avança no nosso estado.

“A cidade tem servido de chacota por uma barreira sanitária sem fundamentação alguma no último sábado e por um paciente, residente do município, que foi curado sem receber atendimento na cidade, mas que foi usado como troféu pela gestão com a imagem do rapaz nas redes sociais do prefeito, como se ele tivesse sido produto de alguma ação por parte de Berg Lima. Um completo absurdo”, enfatizou o presidente Jefferson Kita.

“A UPA hoje encontra-se sucateada, sem nenhuma condição de funcionamento para um atendimento padrão, imagine para atender aos casos de Covid-19. Bayeux encontra-se completamente desguarnecida e se a pandemia avançar muitas vidas serão ceifadas na nossa cidade”, pontuou Inaldo Andrade, presidente da Comissão de Saúde da Câmara.

“Mesmo com tantos recursos já nas contas, tanto o prefeito quanto o secretário Gilliard não têm a capacidade e a competência de tomar nenhum tipo de posicionamento que venha ajudar a população de Bayeux, que se encontra perdida sem saber a quem recorrer num momento crítico como este”, desabafou Betinho da RS.

Novas diligências das comissões estão programadas para os próximos dias, e os parlamentares garantem que farão uma fiscalização séria em nome da correta aplicação do erário no combate do Coronavírus.


Ascom Câmara de Bayeux

Nenhum comentário:

Caco Pereira Comunicação & Consultoria. Tecnologia do Blogger.